Grupo de Estudos de Perícias de Engenharia em Arbitragens

Objetivo:

O Grupo de estudos de Perícias de Engenharia em Arbitragens tem por objetivo promover o debate a respeito das perícias de engenharia no Brasil, destacando as práticas recomendadas aplicáveis para realização dos trabalhos, em especial quanto a reclamações relacionadas a desequilíbrio de contratos em razão de alteração nas condições de execução do escopo, a exemplo de alteração dos índices de produtividade, atrasos, medidas de recuperação de prazos e/ou aceleração de cronograma. Como produto dos debates, espera-se proporcionar elementos e parâmetros mínimos para árbitros, peritos e advogados conhecerem as ferramentas de análises já consagradas para investigação de fatos e suas consequências, e correspondentes danos econômicos, em contratos de engenharia.

Plano de Trabalho:

Serão realizadas reuniões periódicas (podendo haver participações por meio de vídeo conferência) entre os participantes do grupo. As discussões e conclusões das reuniões serão distribuídas aos membros por mensagens eletrônicas visando críticas. A consolidação do assunto ocorrerá na parte inicial da reunião seguinte.  

Na primeira reunião, além do planejamento dos trabalhos, serão elencadas as principais reclamações envolvendo temas de engenharia. Nas reuniões seguintes serão discutidos um tema por vez, daqueles elencados na primeira reunião, correlacionando os principais fatos que geram aquele tipo de reclamação (pedido), e as práticas recomendadas já consagradas nas discussões técnicas para, com menor teor de subjetividade possível, alcançar respostas quanto a divisão de responsabilidades e quantificação econômica do dano.

Após conclusão dos estudos, poderão ser divulgados materiais e realizadas palestras para divulgação dos resultados.

Planejamento:

Realização de 6 reuniões no ano de 2019, em que serão esgotadas as discussões propostas.

No ano de 2020 serão realizadas as publicações e divulgações do resultado dos trabalhos.

Público Alvo:

Advogados, árbitros, engenheiros, peritos, acadêmicos e demais associados do Cbar que se dediquem profissionalmente e/ou tenham interesse acadêmico no tema.

Coordenadores:

Filipe Bonaldo (fbonaldo@alvarezandmarsal.com)
Geovane Mendes Martins (geovane@hormigon.com.br)

Requisitos:

Ser membro do CBAr. Para maiores informações, acesse: http://www.membros.cbar.org.br/filiacao